Ruben Amorim na conferência de imprensa

  •  Conferência de Impensa

 

«Com mil pessoas a ver até dá gosto»

 

Médio satisfeito por ter nos treinos no Seixal tantos adeptos quantos aqueles que assistiam aos jogos do Belenenses

 

 

Em relação aos treinadores que passaram nos últimos anos pelo Benfica, os métodos que Quique Flores tem implementado nas sessões de treino podem considerar-se inovadoras. No mínimo. A dinâmica é constante, não há tempos mortos, toda a gente parece saber muito bem o que está a fazer. E o privilégio dado à parte táctica tem sido notório. Ruben Amorim dá os parabéns ao novo técnico. "Já sabíamos que o mister é muito metódico e trabalha muito a táctica e é isso que estamos a ver nos treinos. É importante trabalhar o físico mas também começar logo a trabalhar a táctica e a movimentação da equipa, porque antes de correr muito é preciso correr bem", afirmou o médio, um dos reforços encarnados para a nova época.
 

Impressionado está também com as condições de trabalho, que considera serem "as melhores do mundo". Segundo diz, no Benfica os jogadores "só têm que se preocupar em irem para o campo e treinar", por "tudo o resto é oferecido", colocado nas mãos como uma bandeja.

 

Ruben Amorim veio encontrar as "melhores condições do mundo"

 

E perfeito, perfeito... foi como correu a integração do centro-campista no grupo de trabalho. "Fui muito bem recebido. Não estava à espera, parece que já me conhecem há muito tempo e que eu também os conheço há muito. Isso é óptimo", garante um jogador que estava habituado a fazer jogos para pouco mais de mil pessoas, no Restelo, tantas quantas estão agora a assistir... aos treinos, no Seixal. "É bom ver gente na bancada. Claro que há pressão, mas só uma opinião é que conta, que é a do mister. Mas gosto assim, porque fiz muitos jogos com mil a assistir e isso é que é mau. Agora, assim até dá gosto", comentou Ruben Amorim.

 

O sistema de Quique inclui "dois médios que defendem e que atacam";

"Esta táctica é muito boa para mim"

 

Parece já não haver dúvidas para ninguém: o treinador recém-chegado ao Benfica vai mesmo impor um novo sistema táctico na equipa. Será que o 4x4x2 de Quique vai resultar? Ruben acredita que sim e, aliás, até acha que o vai beneficiar. "Temos dois médios-centros que tanto atacam como defendem. Acho que isso é bom para mim", afirma, considerando, apesar de tudo, não ter ainda atingido a sua melhor forma. "Ainda me sinto cansado, é claro que ainda estou longe da minha melhor forma, a que eu acho ideal para começar o campeonato. Mas por isso é que também ainda temos tanto tempo, porque se já estivesse bom com uma semana de treinos, então vinha para cá só uma semana antes de começar o Campeonato", disse, com uma pontinha de mordacidade.

 

In: O Jogo

publicado por Frederica às 21:08
link do post | comentar