Ruben Amorim e Pablo Aimar espalham alegria no colégio Atlântico

  • Fora das quatro linhas

 

Um Aimar que substituiu a timidez pelos sorrisos e um Ruben Amorim com ar traquina. Em jornada de convívio com os mais novos, os dois benfiquistas revelaram segredos, falaram de receios, mas também deram a conhecer expectativas pessoais.

 

 

Foi entre gargalhadas, conselhos e muito à vontade que Pablo Aimar e Ruben Amorim responderam a perguntas, algumas incómodas, colocadas pelos alunos do colégio Atlântico, em Pinhal de Frades. Nem o camisola 10 das águias, habitualmente mais reservado do que o português, disfarçou sorrisos vários e, como em campo, driblou as questões mais difíceis, passando a bola ao companheiro... do lado.

 

E, se na presença dos mais pequenos, Aimar falou na importância de uma alimentação cuidada, "com verduras e peixe, que em Portugal é bom", foi já no exterior que mostrou esperança num futuro melhor:

"Estou contente, agora. Tive muitos problemas físicos, que, por sorte, já terminaram. Posso continuar a somar minutos e seguramente o meu jogo melhorará. Confio muito nisso", disse, tentando desmificar a questão de os adeptos portugueses não terem ainda visto o "verdadeiro Aimar": "É aquele que joga bem, mas que também joga mal. É como vocês, que também têm dias maus."

 

Os alunos já não ouviram este desabafo de El Mago, mas ficaram a saber que os filhos do argentino, Agustin e Sara, o "cansam mais do que um treino". Mas foi Amorim que sacou a primeira gargalhada à plateia, quando confessou que os tempos livres são "para dormir."

 

 

- Árbitros são "seres humanos"

 

Curiosa foi a reação dos atletas quando os mais pequenos falaram de árbitros e de decisões injustas. "O que costuma acontecer é que quando nos prejudicam, custa muito, e quando nos favorecem, diz-se que está bem. São seres humanos, enganam-se e não fazem de propósito", admitiu Aimar. E porque, "entre as crianças não há pressão de um jogo", também Amorim tentou pacificar a questão, perante olhares atentos: "São pessoas como nós e se os ajudarmos, de certeza que estão bem."

 

- E que tal fingir um penálti?

 

"Vale a pena simular um penálti?" Ups, terá dito Aimar, que desviou o microfone e, a rir, remeteu a pergunta para o companheiro. Amorim aceitou o desafio e respondeu, entre sorrisos, que "o Pablo é que faz isso, é mais malandro", mas admitiu que não "é bonito, apesar de na guerra valer tudo". Durante esta iniciativa do projecto "o Benfica faz bem", as crianças foram informadas de que a águia Vitória já ajudou a salvar duas meninas, operadas em Cuba e Londres graças a parte das receitas das fotografias.

 

- Nervosismo antes dos encontros

 

Nem a experiência acumulada por Aimar faz evitar algum nervosismo antes de jogos importantes. "Penso que acontece com todos. Eu estou sempre", revelou o argentino à pequenada, antes de Amorim surpreender a animada plateia: "Há sempre ansiedade. Por exemplo, isso acontece antes de um Benfica-Sporting, que, como sabem, costumamos ganhar..." Os miúdos ficaram também a saber que os jogadores devem comer ao pequeno-almoço ovos, iogurtes e fruta, mas também que o médio dá umas "facadinhas" no plano alimentar.

 

In: Record

 

 

CONSELHOS DE CRAQUE

 

- Fazer desporto. Dica de El Mago, que só pensa em afastar a pequenada de maus caminhos.

 

- Estudar. "Os estudos estão primeiro, só depois pensem no futebol", sulinha Ruben.

 

- Fair Play. Não vale a pena simular penáltis, garantem os craques, apelando ao fair play dentro e fora de campo.

 

- Como ser bom atleta. Trabalhar muito, com garra e alegria é o segredo de Aimar. Amorim apoia e atira: "Se fizerem como o Aimar, vão ser grandes jogadores".

 

- Boa alimentação. Nada como um bom pequeno-almoço, saladas e legumes. "Se comerem cenouras, ficam com os olhos bonitos e as meninas gostam", refere Ruben Amorim.

 

- Reagir às adversidades. As lesões, como qualquer contratempo, complicam mas Ruben atira: "Há que levantar a cabeça e seguir em frente, como na vida"

 

In: O Jogo

  


 

Para ver o vídeo da tarde que Ruben Amorim e Pablo Aimar proporcionaram aos mais pequenos, carregue AQUI.

publicado por Frederica às 22:46
link do post | comentar